RASTRO - O primeiro perfume de Luxo do Brasil

em 6 de setembro de 2018

Olá, como vai?
Antes de conhecer a respeito deste perfume tão famoso quero antes compartilhar com você um pouco da história que cerca esta fragrância...
Tenho certeza que irás gostar! 😉

Vamos começar pela frase...

Era uma vez, um rapaz audacioso e muito inteligente,seu nome: Aparício Basílio da Silva,nascido em 1936 na cidade de Itajaí - SC, mas ainda criança veio com a família morar em São Paulo. Estudou artes, pintura...



Infelizmente, Aparício acabou sendo sequestrado e morto. Sua história nunca foi esquecida porém, as fragrâncias perderam o glamour de outrora...


Em 1956 , ele abriu uma boutique na famosa rua Augusto n°2223, lá eram vendidos artigos de luxo ( moda e decoração) todos desenhados por ele, saiba que Aparício também era escultor 😉 Agora um detalhe para o nome da loja: RASTRO


Ao lançar o perfume decidem ( ele Aparício  e o irmão João Carlos) que a fragrância teria o mesmo nome da loja. Detalhe curioso: O perfume era dado para os  clientes da loja, entretanto, o perfume ficou  tão famoso que passou a ser comercializada. 



Considerado o primeiro perfume de luxo brasileiro  A lavanda seduzia pelo frasco, que podia ser reabastecido. Formavam-se filas na charmosa loja de decoração.  E o segredo? Era bem simples:  receita clássica de puro luxo e refinamento. Com qualidade das fragrâncias  importadas, mas com essências  brasileiras. 


O perfume encontrava-se no Museu do Perfume em São Paulo, infelizmente o museu foi fechado.

Vamos conhecer a fragrância?

O perfume foi lançado em 1965, é um Aromático Compartilhável

Notas de Saída: Gardênia e Lavanda
Coração: Muguet e Peônia
Base: Madeiras e Musk

Evolução:

Eu não tive a oportunidade de conhecer o original, mas fazendo uma pesquisa encontrei pessoas que tiveram e assim pude ter uma ideia do perfume na sua verão original. Bem, as informações são que o perfume apresentava um aroma atalcado devido as flores mas nada que fosse exagerada, era um atalcado fino, de classe. Ao mesmo tempo percebia-se um frescor envolvendo estas flores que tornava o perfume inebriante e original, por fim, uma base amadeirada que lhe conferia intensidade e força. 


Eu tenho o novo Rastro:

A minha opinião é que o atual não traduz o que as pessoas falam, até porque ele sofreu reformulações e aqui vai a minha crítica: O país não preserva as suas memórias, este perfume foi o marco da perfumaria nacional de Luxo e por muito tempo referência, atualmente perdeu-se no tempo, vive esquecida. Enquanto que outros países a historia é preservada e mantida...

O design nada lembra o anterior, pena!!




 Um das categorias mais disputadas do Prêmio Atualidade Cosmética, o Troféu Aparício Basílio da Silva de Criação Perfumística Latino-Americana, que premia os perfumistas e as casas de fragrâncias,  acaba de divulgar os finalistas nas versões feminina e masculina




Infelizmente, em 19 de outubro 1992  Aparício acabou sofrendo sequestrado e foi encontrado morto. Sua história nunca foi esquecida porém, as fragrâncias perderam o glamour de outrora...


34 comentários:

  1. Respostas
    1. Ele é vendido nas farmácias, mercados...Já não apresenta o design anterior, ele foi reformulado, tá?

      Excluir
  2. Uso este perfume a 35 anos, é para mim de longe o melhor perfume masculino. Só lamento que no passar de anos após a morte de APARÍCIO BASÍLIO o perfume nas suas versões foram descontinuados. Não entendo porque a atual RASTRO só tem interesse de fabricar a colonia(dificil de encontrar), desodorante e sabonete se a procura pelo perfume é muito grande. Acordem e voltem a ser a RASTRO da epoca do APARÍCIO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria perfeito a volta do rastro, acredito que muitas pessoas iriam amar este retorno.

      Excluir
  3. Bom dia. Meu pai nos anos de 73,74, comprava este perfume Rastro com muita dificuldade. Eu era menino e me encantava pela cor esverdeada, o rótulo e a fragrância do perfume. Meu pai não gostava que usássemos o perfume, era só dele, mas quando ele saia para o trabalho, eu pegava o perfume escondido e colocava um pouco no pescoço e ia para a escola. Ao chegar no educandário a primeira a me elogiar era a professora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Marcelo, tudo bem com você?
      Que linda recordação, viu? Todos falam muito bem do Rastro e toda sua performance, pena ter sido alterado e hoje ser bem diferente do que era antes...Amei você ter compartilhado esta lembrança aqui, adorei mesmo!!!!!

      Excluir
  4. Esta fazendo falta para os homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui contrato pra trabalhar na Rastro em 10/08/1992 no setor de Custos, como assistente de custos e sei bem a qualidade desdes produtos e o carro chefe da rastro era o desodorante em spray (cor de rosa) vendia muito bem. Saudades desta empresa. Obs: na época foi comentado que seria vendida para GESSY LEVE parece que foi adquirida pela Monangue.

      Excluir
  5. o atual Rastro que ainda se acha no mercado, não tem nada de pelo menos parecido com a nostatagica fragancia da era Aparicio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoraria que voltasse a fabricar a fragrância do jeito que ele idealizou, seria divino!

      Excluir
  6. precisam voltar a fabricar a antiga fórmula do Rastro.

    ResponderExcluir
  7. O vidro original era fabricado pela Cristaleria Jaraguá que em seu tempo foi a principal fornecedora da indústria de perfumaria do Brasil. Lucien Lelong, Guerlain, Rochas, Worth, Myrurgia e muitas outras perfumarias se abasteciam com frascos da Jaraguá. Aparico precisava de um vidro e pediu para a cliente cujo marido era dono de uma fábrica de vidros, alguns frascos. Vieram os de farmácia e assim ficou.
    https://www.saopauloantiga.com.br/s-a-cristaleria-jaragua/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante demais!! Eu imagino a riqueza do frasco e da fragrância...Eu amei você ter compartilhado aqui, viu? Bjs

      Excluir
  8. Bom dia a todos eu faço o uso desta colonia dês de 1969 ate hoje é a unica colonia que eu uso porem hoje compro o que tem no mercado livre não é tão boa mais infelizmente é o que temos no momento mais gostaria muito que fosse novamente feitas a flagancia e formula original pelo menos eu serei um eterno consumidor alias hoje comprei no mercado livre dois frascos de 500 MLs forte abraço a todos ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Rastro é uma fragrância que trás inúmeras recordações, que bom saber que você ainda consegue. Torço para que ele volte um dia

      Excluir
  9. Usei muito o Rastro, comprava em qualquer loja nos anos 70/80 era um perfume elegante para os homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OLá, Leonardo
      Imagino o quanto o Rastro era fascinante. Saber da história despertou muito o desejo de ter conhecido, hoje o novo perfume é bem diferente do design anterior e a fragrância muitos falam que não é a mesma

      Excluir
  10. Amo esse perfume, principalmente por me lembrar a minha falecida mãe! Gostaria de saber onde posso encontrar para comprar em Teresina-Piauí

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Rastro possui lembranças emocionantes. Amei saber que sua mamãe amava esta fragrância.
      O novo Rastro é encontrado em mercados populares, farmácias, infelizmente, ele anda sumido, mas ainda disponível .

      Excluir
  11. Nunca goste de usar perfumes masculinos, mas o Rastro foi o meu cheiro durante ano. Melhor Colônia impossível! Uma pena terem destruido sua fragrância.

    ResponderExcluir
  12. Rastro foi o primeiro perfume que eu conheci e usei, ainda muito menina eu adorava, eu não conseguia ficar sem Rastro, e ganhava sempre de presente um frasco. Eu gostaria de saber se posso encontrar o Rastro com aquela mesma fragrância, mas tenho uma dúvida, esse perfume era para homens?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Fátima, tudo bem?
      Obrigada pela mensagem..
      Infelizmente, não. O Rastro atual apresenta um frasco fosco transparente, encontra-se nos mercados, farmácias, mas as vezes fica indisponível. O verdadeiro você poderá vê no museu do Perfume que fica em Gramado

      Excluir
  13. Eu amo esse perfume, nessa época eu era adolescente, eu amo o cheiro de "Rastro". Já comprei com outra roupagem, mais não é o mesmo! Amo o cheiro dele, porquê não voltam a fabricar do jeito que era? Esse perfume, pra mim foi o melhor perfume que já usei. Gostaria muito que voltasse o original, se ele voltar, farei "dele", o meu "PRIMORDIAL". Amo de "Paixão", o cheiro "dele", e creio que muitos adorariam usá-lo novamente. Por favor "Rastro"! Volta!❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amaria a volta do Rastro, seria mais que maravilhoso!!! Vamos torcer

      Excluir
  14. Meu pai gostava muito desse perfume e usou durante muito tempo. Nos anos 80/90 ele era muito popular. Meu irmão mais velho também usava. Era muito bom e parecia mesmo um perfume unissex.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal saber disso!!O Rastro é um dos perfumes mais queridos que já conhecido, fico feliz por teres lindas referências

      Excluir
  15. desodorante rastro e óleo de almíscar era os perfume usado pela a maioria dos jovens dos anos 80 ainda uso o desodorante rastro me lembra muito o passado

    ResponderExcluir
  16. Uso a Colônia Rastro, desde a minha adolescência, tenho ainda o vidro antigo guardado. As vezes não encontro então fico economizando rssss. Seria bom se voltasse com a mesma fragrância mas acho impossível, é uma pena. É um perfume masculino mas muitas mulheres transformaram em perfume feminino é o meu caso...procuro até encontrar...gosto muito.

    ResponderExcluir



Topo